Conexão Xalingo – Blog

Tag - TEDx

Como organizar um TEDx em sua sala de aula

Saiba como seus alunos podem organizar ideias e levar inspiração aos outros.

O TEDx é um dos maiores projetos de e conhecimento do mundo, com mais de cem idiomas e diversos temas. E você pode fazer uma atividade muita parecida com ele em sua sala de aula.

Antes de qualquer coisa, é preciso entender que o princípio de um TEDx é levar uma mensagem a alguém, contar uma história, focando em um momento e servindo de inspiração.

Contando a sua história

O primeiro passo é incentivar os alunos a contar a sua própria história, sendo eles mesmos os personagens de suas histórias. No primeiro momento peça aos estudantes para escreverem no papel sua história, mas impondo um limite de apenas em 7 linhas. Oriente os alunos para que eles se concentrem em uma narrativa que passe uma mensagem a alguém. Pode ser uma mensagem de superação, um desafio, uma ajuda.

Na sequência, em duplas, os alunos irão contar a sua história para o colega em 2 minutos e vice-versa. Em seguida, peça para os estudantes trocarem de dupla e contarem suas histórias. Agora em um minuto para outro colega e vice-versa. Lembre-se que o objetivo desta atividade é fazer com que os estudantes consigam repassar sua história com objetividade ao focar na mensagem principal.

Por fim, peça para os estudantes trocarem novamente de dupla e contarem novamente suas histórias, agora em 30 segundos e vice-versa. Marque o tempo com algum alarme.

Para encerrar essa atividade realize uma roda de conversa e peça para os alunos contarem como foi essa experiência. Muito provavelmente, eles falarão da dificuldade do tempo e como a redução do tempo disponível ajudou a focar na história e naquilo que realmente interessava para contar essa história.

Então, escolha cinco alunos e organize um círculo na sala. Peça a eles para contarem a sua história em 30 segundos. Para encerrar essa atividade, leve um TEDx para exibir aos alunos, mostre a eles a importância de contar uma história, mostrando que um dos passos que foi usado pelo palestrante foi esse.

Mostre a eles que são pessoas únicas e que tem ideias totalmente únicas. Se essas ideias podem mudar o mundo, então vale a pena compartilhar com as pessoas. Basta garantir que a mensagem seja passada de forma clara.

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube

Fonte: https://novaescola.org.br/conteudo/18605/veja-como-organizar-um-tedx-na-sala-de-aula

Um outro olhar sobre ensino e aprendizado

imagem: divulgação

A cidade de Curitiba sediou recentemente um evento da rede TEDx, cujo foco eram ideias e iniciativas inovadoras relacionadas ao processo de ensino e aprendizado. O TEDx promove eventos independentes, seguindo os moldes do TED que, por sua vez, é uma organização sem fins lucrativos, com o objetivo de organizar e transmitir palestras curtas sobre diversos temas. O evento contou com a presença de palestrantes de diferentes partes do Brasil e do mundo, que compartilharam suas experiências e visões sobre a Educação.

Um desses palestrantes foi José Pacheco. Ele é um dos fundadores da “Escola da Ponte”, em Portugal, referência mundial de sucesso em inovação pedagógica. Atualmente José reside no Brasil, realizando projetos de mobilização de professores, educadores e estudantes, visando a integração comunitária por meio da educação. Em sua palestra, o educador compartilhou experiências divertidas e até controversas vividas em sala de aula.

José Pacheco defende posições um tanto diferentes para a maioria dos professores, questionando os moldes seculares da educação nas escolas e ressaltando a importância da autonomia intelectual das crianças. Ele também contou rapidamente sobre sua chegada ao Brasil e sua percepção sobre a educação no país e levantou uma questão desafiadora: “Por que nós damos aulas tão bem dadas e há alunos que não aprendem?”

Para José Pacheco, as escolas não são meros edifícios; elas são feitas de pessoas e seu valores e, e por isso, parte da comunidade. Reforçando os valores de autonomia, responsabilidade e solidariedade, que fundamentaram a criação da “Escola da Ponte”, o educador acredita que as escolas devem promover uma produção de conhecimento que vá beneficiar e envolver toda a comunidade.

Assista o vídeo e confira na íntegra a palestra dele:

https://youtu.be/a5Ua7Xq9I6Y

 

Fonte: Revista Escola