Conexão Xalingo – Blog

Tag - Enem

Esta plataforma de ensino traz conteúdos muito mais engajadores aos alunos

Seneca é uma plataforma desenvolvida na Inglaterra que produz conteúdos utilizando GIF’s, mapas mentais e outros recursos que facilitam a aprendizagem dos alunos. Saiba mais!

Voltada para o ensino fundamental 2, ensino médio e ENEM, essa plataforma é gratuita e adaptativa, já que seus conteúdos são apresentados de acordo com o ritmo de aprendizagem de cada estudante.

A Seneca trabalha com textos curtos, resumos e mapas mentais, sempre com a utilização de muitas imagens, que ajudam na retenção de informações. O conteúdo dela, aqui no país, foi todo escrito do zero, de acordo com a BNCC.

Emoção positiva ajuda no aprendizado

A plataforma tem um objetivo muito claro: fixar seus conteúdos com muito mais resultado. Para isso, utiliza resumos, exercícios e, até, GIF’s e memes. Tudo isso toma lugar das videoaulas e dos PDF’s, já que é tudo organizado por tópicos curtos, de acordo com conceitos da neurociência.

De acordo com Flávia Belham, cientista chefe da tecnologia, “as pesquisas que mostram que se você tenta aprender algo que está relacionado à emoção positiva, você aprende melhor. É por isso que os GIFs divertidos facilitam a aprendizagem. Os conceitos também estão associados a imagens porque assim fica mais fácil para lembrar depois”.

Passo a passo para entender a plataforma

Para facilitar a adoção da plataforma por educadores, também foi criada uma lista de vídeos no YouTube com passo a passo explicando as tarefas mais comuns: criação de conta e de turma, adicionar tarefas e verificar notas. Ainda em 2020, a plataforma promete ajudar o professor a personalizar também a lição de casa, com exercícios específicos para cada aluno.

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube.

Fonte: https://porvir.org/com-gifs-e-aprendizagem-adaptativa-plataforma-oferece-conteudos-alinhados-a-bncc

Filmes podem ajudar na preparação para o Enem

Na reta final para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), o tempo é curto para aprender novos conteúdos e o mais indicado nessas últimas semanas, dizem os professores, é se dedicar às revisões e aos simulados. Mas você já pensou em ensinar seus alunos através de filmes? Alguns podem ser boas fontes para aprender ou lembrar fatos históricos e assuntos importantes de geografia e atualidades. Além disso, pode ser uma boa ferramenta para estudar possíveis temas para a redação.

– Entre os muros da escola: O filme trata da imigração na França, tema bem atual e que está sendo vivenciado por imigrantes em toda a Europa. Pode ser um tema para a redação do Enem.

– 13 dias que abalaram o mundo: A Guerra Fria é um tema recorrente no Enem e um dos fatos mais importantes da história mundial. O filme trata do episódio conhecido como ‘Crise dos Mísseis’, quando o governo soviético instalou mísseis em Cuba capazes de carregar ogivas nucleares. Como os EUA já haviam instalado ogivas nucleares na Turquia, apontadas para a URSS, o mundo ficou à beira de uma guerra de características nucleares.

– Trabalho Interno: O documentário conta a história da crise econômica de 2008, que resultou na perda de casas e empregos para milhões de pessoas. O filme, dividido em cinco partes, retrata a realidade da globalização atual e demonstra as mudanças no ambiente político e nas práticas bancárias para combater a crise financeira.

– Notícias de uma guerra particular: Um ótimo exemplar para entender melhor a violência urbana. No documentário conhecemos o dia a dia dos três lados mais diretamente envolvidos (e prejudicados) por essa ‘guerra particular’: o policial, o traficante e o morador da favela.

– Getúlio: O filme pode ser interessante para entender os debates políticos da época do presidente brasileiro que morreu em 1954. A obra destaca os ataques sofridos por Vargas por meio da imprensa, as hostilidades entre ele e Carlos Lacerda (líder da UDN, União Democrática Nacional), o apoio dos trabalhadores ao ‘pai dos pobres’, entre outras características.

– Lincoln: O filme retrata a Guerra de Secessão, colocando em pauta as divergências de interesses entre os Estados sulistas e nortistas, escravistas e não escravistas, respectivamente. O debate mais importante do filme gira em torno da 13ª emenda, que viria proibir a escravatura em território norte-americano.