Conexão Xalingo – Blog

Tag - educação infantil

Confira estes planos de atividades para educação infantil

É professor(a) da educação infantil? Então você vai gostar destes planos de atividades para se inspirar em 2019.

Da chegada à escola até a hora de dormir, passando pela refeição, veja como planejar e realizar atividades com as crianças.

1) A chegada na escola

Para esta atividade, o professor deve organizar a sala em quatro estações configuradas como “cantos”: o canto dos potes, o canto de materiais de largo alcance, o canto de peças de encaixe e o canto de bonecas e paninhos; materiais com os quais as crianças já devem ter familiaridade e ter brincado anteriormente. A partir daí, as crianças vão explorar esses espaços.

2) Vamos todos lavar as mãos

Separe um momento da rotina para que as crianças aprendam como lavar as mãos. A ideia é que as vivências no ateliê de artes, no tanque de areia ou na sala de atividades precisem de higienização posterior. Com isso, as crianças entendem que isso fará parte de sua rotina

3) Na hora de ir ao banheiro

É importante que o professor conheça as crianças e saiba em que fase cada uma se encontra em relação ao processo de desfralde, inclusive com informações trocadas entre escola e família. Para ajudar nesse processo, você tem aqui três planos para momentos diferentes.

– Visitar e explorar o banheiro. Utilize o espaço da sala para criar estações ou centros de brincadeiras com bonecas sentadas em penicos, bonecas de fraldas e bonecas sem fraldas.

– Autonomia no momento do banheiro. O ideal é aproveitar as idas rotineiras ao banheiro que as crianças já costumam seguir e, acompanhado de outro adulto, organizar pequenos grupos para levar as crianças ao banheiro em um momento de real necessidade.

– Orientações para desfralde. Família e escola necessitam caminhar juntas nesse processo. As famílias precisam anotar a rotina das crianças, os horários e frequência com que vão ao banheiro e passar ao professor. Respeitando o tempo da criança, o início do desfralde deve ser combinado com a família e iniciado no fim de semana, para que a escola possa dar continuidade.

4) Chegou a hora de comer

A refeição é um momento essencial da rotina das crianças. Para que elas ganhem autonomia gradativamente,  existem dois planos que podem ajudar professores.

– Organizando a refeição. Nesta atividade, as crianças vão ajudar a organizar talheres, pratos, copos e outros objetos no espaço onde irão comer. A ideia é organizar os itens que as crianças sempre usam de maneira diferente e, a partir daquele dia, pedir que passem a ajudar na organização dos talheres, guardanapos, garrafinhas, etc.

– Organizando a alimentação dos bebês. Considerando as individualidades e preferências pessoais dos bebês, de maneira a favorecer sua autonomia, planeje um tempo de alimentação diferente para criar um momento com mais tempo.

5) Vamos brincar juntos?

O momento de brincar é essencial na formação das crianças, para que elas possam explorar o universo lúdico. Há várias atividades que podem ser planejadas, então sugerimos duas que podem ser aplicadas.

Obtendo novas sensações na areia. As crianças irão tocar na areia e observar como essa superfície se comporta. Você pode usar potes, folhas e brinquedos emborrachados para que as crianças possam explorar os materiais.

Brincadeiras no parque. A partir de ideias das crianças, o grupo pode levar novos materiais para criar brincadeiras no parque. É importante que as brincadeiras sejam frequentes dentro da rotina das crianças na escola. Nas conversas com as crianças e nos seus registros, você pode falar sobre o que há no parque e do que elas gostam de brincar.

6)Ah, bateu aquele soninho

Entenda como transformar esse momento do dia em uma atividade que pode ser compartilhada com as famílias e as outras crianças.
Massagem para a soneca dos bebês. Nesta atividade, as crianças irão fazer massagens nos amigos e em si próprias, com o apoio da professora. Disponha colchões ou tapetes na sala, de maneira que seja possível a finalização desta atividade com o momento de descanso. Realize uma seleção prévia de músicas tranquilas.

Conversando sobre o momento do sono. Organize rodas de conversa para discutir sobre as situações em que as crianças se preparam para dormir, em casa e na escola. Para esta atividade, peça às famílias que tragam fotos e objetos que estejam relacionadas ao momento do sono.

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube:  https://www.youtube.com/channel/UCEu_wTApB06msiH5SXQ-JRg

Fonte: https://novaescola.org.br/conteudo/14420/educacao-infantil-11-planos-de-atividades-para-todos-os-momentos-do-dia

Método Montessori em escola norte-americana

Escola norte-americana utiliza o método Montessori de forma diferenciada. Entenda!

Presente em diversos estados dos EUA, a Wildflower é uma rede de 21 escolas que seguem o método Montessori. A principal unidade fica em Cambridge, Massachusetts, e por lá a tecnologia é utilizada de forma diferente: as crianças não passam tempo diante das telas.

Na verdade, elas nunca as vêem. Em vez disso, a tecnologia é incorporada ao ambiente quase de forma invisível. Câmeras gravam estudantes, com idades que variam de dois a seis anos, enquanto eles se movem pela sala, e sensores em seus chinelos verdes acompanham sua localização exata e os objetos que tocam para avaliar suas interações.

As escolas seguem de perto o método tradicional Montessori. Os alunos passam grande parte do dia escolhendo como ocupar seu tempo, enquanto os professores observam e às vezes fazem sugestões – ou “orientam” – para que eles tentem algo novo. Os professores muitas vezes se revezam ora interagindo com os alunos, ora recuando para observar as crianças e seu progresso.

Os alunos recebem aulas curtas em ciências, geografia, artes da linguagem, música e outros assuntos centrais. Às vezes é por interesse, mas sempre quando professores e alunos sentem que estão prontos. Caso contrário, os dias são bem diferentes da estrutura tradicional. Em geral, os alunos aprendem através da interação com objetos colocados estrategicamente ao redor da sala de aula, projetados para desenvolver lentamente habilidades e aumentar pouco a pouco em complexidade.

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCEu_wTApB06msiH5SXQ-JRg

Fonte: http://porvir.org/escola-dos-eua-adiciona-cameras-e-sensores-ao-metodo-montessori/

Plataforma para a educação infantil

Com o intuito de apoiar professores que lecionam na educação infantil, o programa Paralapracá, que é realizado pela ONG Avante – Educação e Mobilização Social, desenvolveu uma plataforma de aprendizagem que busca reunir práticas de diferentes localidades e apresenta referências para inspirar a produção de registros pedagógicos.

Utilizando diversos conteúdos e ferramentas, o ambiente virtual é para pessoas que estejam interessadas em conteúdos sobre a educação infantil, e tem como objetivo contribuir na melhora da qualificação dos profissionais que atuam no atendimento de crianças até seis anos. Para isso, os usuários têm acesso à campanha “TIC’s TAC’s”, que oferece orientações para a produção de registros pedagógicos mais criativos. Entre as dicas, estão técnicas para aprimorar as fotografias, como registrar atividades em vídeo, apresentações de slide e uso de ferramentas tecnológicas.

post02-interna

Além disso, existe a área “Assim se Faz”, onde os educadores têm acesso a um repositório de práticas culturais e pedagógicas de profissionais da educação infantil de diferentes localidades. São apresentadas sugestões de atividades em diferentes linguagens, como brincar, música, artes visuais, literatura, organização de ambientes, natureza e exploração do mundo. Algumas das sugestões são a elaboração de um sarau de músicas e brincadeiras, que incentiva o brincar de dizer poesias, experimentando rimas, variações e entonações. Outra experiência, por exemplo, indica a construção de uma mandala com elementos da natureza.

O acesso aos conteúdos da plataforma é através de um cadastro gratuito pelo site. Mais informações estão disponíveis em http://ava.paralapraca.org.br/

Crédito da imagem: Reprodução

Fonte:
http://porvir.org/plataforma-conteudos-e-ferramentas-para-professores-da-educacao-infantil/

3 planos de aula para a Educação Infantil

Confira 3 exemplos de planos de aula para você trabalhar com a sua turma de Educação Infantil.

1) Identidade e autonomia

Indicado para creche e pré-escola, esse plano busca criar interações entre os pequenos. Através de fotos das crianças em seu dia a dia e também de materiais básicos, a ideia é que elas percebam a si e aos outros, visualizando diferenças, percebendo-se como parte de um grupo e se reconhecendo como indivíduo. Esse plano é dividido em 3 etapas: “eu, eu e eu”, “eu, tu, eles” e “nós e todo mundo”. Veja o plano aqui.

2) Como desenvolver identidade e autonomia em crianças

Através deste plano, as crianças vão interagir e relacionar-se por meio de fotos. Possibilta que percebam a si mesmas e aos outros, entendam as igualidades e diferenças e sintam-se valorizados e reconhecidos enquanto indivíduos. Conheça o plano aqui.

3) Os livros e o prazer em ouvir histórias

Livros podem ganhar um lugar garantido no coração das crianças. E incentivar esse interesse nelas, já pode vir nos primeiros anos. Esse plano tem atividades para pequenos de 1 a 3 anos, e permitir criar o hábito de escutar histórias e de ter contato com textos de qualidade, enriquecendo a imaginação e fortalecendo os momentos em grupo. Veja o plano aqui.

Obs.: Para acessar os planos, é necessário um cadastro rápido no site da Nova Escola.

– – – –

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube.

– – – –

Créditos da imagem: Freepik
Fonte: Nova Escola

Aprendendo sobre as locomotivas com brinquedos de material reciclado

A reciclagem é uma constante na nossa vida. Na atual situação do planeta a gente sabe que reciclar, além de estar na moda, faz bem para o meio ambiente, ajuda a natureza e ainda desperta a nossa criatividade.

As crianças que aprendem desde cedo a importância da reciclagem se tornam adultos mais conscientes do seu papel no mundo. Foi pensando nisso, que a professora Lesandra Costa, lá da Escola Cenecista Professor Alcides Conter, na cidade de Butiá, no Rio Grande do Sul, resolveu ensinar para os seus alunos a importância de aproveitar materiais reciclados que iriam ser descartados, mostrando que é possível transformá-los em brinquedos de verdade usando apenas um pouco de criatividade.

Na atividade, feita em sala de aula com estudantes do 3º ano, os alunos aprendiam sobre locomotivas a vapor e a importância desse meio de transporte para uma época da nossa história. Como muitas crianças nunca tinham visto de perto uma locomotiva, a professora teve a ideia de transformar caixas, tampinhas de garrafa, rolos de papel e muito mais coisas que a gente joga fora sem nem pensar em uma utilidade, em brinquedos bem legais, feitos pelas mãos das próprias crianças. Para isso, as crianças trouxeram de casa materiais que eles juntaram e que poderiam ser reaproveitados. O resultado foram brinquedos cheios de criatividade e uma aula de consciência ecológica para a criançada. Reciclar pode ser mais divertido do que você imagina. É possível fazer vários outros brinquedos legais utilizando materiais que a gente julga inúteis.

reciclagem_2

Alunos aproveitaram materiais que iriam para o lixo e aprenderam mais sobre as locomotivas a vapor

E você, o que faz para tornar o mundo um lugar melhor? Mande seu relato pelo nosso formulário que ele também pode aparecer por aqui!

Esse post foi uma contribuição da Professora Lesandra Costa, da Escola Cenecista Professor Alcides Conter, da cidade de Butiá.