Conexão Xalingo – Blog

Tag - educação do futuro

O que especialistas apontam para o futuro das escolas

Com cada vez mais novos recursos à disposição dos estudantes, já não é mais função da escola educar de fato, já que os jovens aprendem por eles mesmos. Segundo explica Fábio Vizeu, coordenador da Pós-Graduação de Negócios Escolares da Universidade Positivo (UP), “é fundamental inserir dentro de sala de aula as ferramentas que esses alunos estão acostumados – e querem usar. Há diversas possibilidades de agregar a tecnologia ao conhecimento. A criatividade do professor fará a diferença”.

Considerar o aluno de forma empática e colocar-se no lugar dele para organizar a escola, é o que defende a diretora pedagógica da Editora Positivo, Acedriana Vicente Sandi. Para ela, “precisamos entender como as crianças e jovens de hoje aprendem. A interação para eles é fundamental. Não temos mais alunos passivos, que simplesmente absorvem o que o professor tenta passar. E quando o aluno não se sente levado em consideração, ele não consegue produzir de forma adequada a partir de todas as suas potencialidades”.

Para Vizeu, “é fundamental trabalhar todas as ideias, tanto com as crianças quanto com os pais”. A escola do futuro terá que gerar espaços de diálogos e reflexões com as famílias, não podendo se limitar a reuniões pedagógicas. Será necessário ter canais mais intensivos, e a interação com canais tecnológicos podem auxiliar nesse processo. A gestão escolar também deverá ser mais trabalhada para a sustentação da instituição de ensino. “As escolas têm que ter mais cuidado na eficiência da gestão financeira, da mercadológica, dos recursos humanos. Se o gestor de uma escola tem plena consciência de todas as implicações das relações trabalhistas, por exemplo, pode reduzir os custos operacionais. Assim, pode fazer investimentos financeiros em inovação com maior facilidade”, explica Vizeu.

E você, professor: o que acha de todas essas mudanças? Concorda com eles? Comente abaixo!

Fonte:
http://maringa.odiario.com/politica/2018/03/especialistas-sinalizam-principais-tendencias-para-escolas-do-futuro/2478080/

Finlândia planeja a educação do futuro

A Finlândia, país que possui um sistema educacional celebrado em todo o mundo, já pensa no futuro da educação.

Para isso, o país vai realizar, simultaneamente em todas as suas escolas públicas, a maior reunião de pais e professores do mundo. Segundo Saku Tuominen, um dos organizadores do evento e diretor do projeto HundrEd, criado no país para identificar e compartilhar inovações educacionais em todo o mundo, “O mundo está mudando, as escolas precisam mudar, e o diálogo com os pais é crucial nesse processo, uma vez que eles podem desempenhar um papel significativo na evolução da escola”.

E eles já pensam em mais de 10 anos adiante. Segundo Tuominen, “em um mundo em transformação, pensamos que em 2030, por exemplo, os alunos precisarão estar capacitados tanto em termos de novas tecnologias e da ênfase na criatividade como também no desenvolvimento de habilidades emocionais, autoconhecimento e pensamento crítico.”.

A fim de gerar um grande buzz no debate, a reunião de pais e mestres é aberta em todas as escolas, que exibirão vídeos curtos com a fala de especialistas e educadores sobre o rumo das reformas em nível nacional, além de filmes sobre inovações que vêm sendo experimentadas em escala local.
Uma dessas inovações é um projeto-piloto que inverte os papéis entre mestres e aprendizes: alunos estão dando aulas a professores sobre o uso mais eficiente de tablets, mídias sociais e câmeras digitais.

Fonte: http://www.bbc.com/portuguese/internacional-41865360