Conexão Xalingo – Blog

Tag - dedicação

Professora mais velha do mundo não pensa em se aposentar

Ser educador é um dom e passar a vida toda dedicada a ensinar crianças e adolescentes é mesmo uma tarefa que merece o nosso reconhecimento. Enquanto alguns educadores sonham no dia em que irão se aposentar e curtir o merecido descanso, outros, nem pensam em pendurar as chuteiras.

É o caso da americana Agner Zhelesnik. Ela tem nada menos que 102 anos e segue ativa educando as disciplinas de costura e culinária na The Sundance School, na cidade de Nova Jersey, nos Estados Unidos.

Desde os 81 anos, ela é considerada a professora mais velha do país ainda na ativa. Em entrevista à revista norte-americana Time, disse que não tem a pretensão de parar. “Eu vou continuar até quando puder, fazendo os meus alunos felizes e os ajudando da melhor forma”, conta. Para seus colegas da Sundance School, Agnes é uma inspiração.

“Ela é um ícone desta escola”, diz Benjamin Foz, diretor da instituição. “Ela nos faz muito feliz, os alunos estão sempre a abraçando. É como se fossemos uma família e ela a nossa avó”, completa.

 

Livro didático digital vai auxiliar professores no ensino à distância

O livro didático pode ser o melhor amigo do professor. Ainda mais se ele tiver uma ajudinha da tecnologia. Já é possível hoje, graças aos livros didáticos digitais, saber quase tudo sobre o aluno. Por exemplo, dá pra saber se ele leu ou não o material proposto pelo professor e acabar com as cobranças dos educadores em sala de aula.

Um estudante recente mostrou que quanto mais o aluno lê a bibliografia indicada em casa, melhores serão as suas notas ao longo do curso. Ou seja, nada que os educadores já não saibam, não é mesmo?

O estudo aconteceu no Texas e acompanhou 236 alunos que utilizaram livros didáticos digitais para ver que tipo de informações poderiam prever melhor seu sucesso no curso. Descobriu-se que é mais importante que o aluno dedique uma boa quantidade de tempo para a atividade do que apenas lesse o material rapidamente.

O problema é que os alunos leem cada vez menos e é um desafio para os educadores reverter esse quadro. Os estudantes que participaram da pesquisa dedicavam, em média, 169 minutos por semestre à leitura.

O livro digital pode reverter esse quadro já que o aluno é acompanhado de perto pelo educador. A verificação dos hábitos de estudo pode ajudar os professores a identificar quais estudantes estão com problemas antes de eles serem reprovados em um teste e ajudá-los.