Conexão Xalingo – Blog

Alunos se sentem desmotivados a estudarem durante pandemia, aponta estudo

Em pesquisa desenvolvida pelo Instituto Datafolha, o percentual de estudantes que estão desmotivados em estudar na pandemia chegou a 54%.

Se em maio o percentual era de 46%, em setembro o número a chegou aos alarmantes 54%. Isso soma-se à dificuldade que os alunos têm tido para se organizar em estudar em casa, que aumentou de 58% para 68%, nesse mesmo período.

As informações foram obtidas pelo Instituto Datafolha, a pedido da Fundação Lemann, Itaú Social e Imaginable Futures. Foram ouvidos 1.021 pais ou responsáveis de alunos de escolas públicas municipais e estaduais, de 6 a 18 anos, entre 16 de setembro e 2 de outubro.

Denis Mizne, diretor executivo da Fundação Lemann, alerta para o risco de evasão escolar desses alunos. “A evasão e o abandono escolar terá reflexo sobre o estudante, sua família e a sociedade, aumentando ainda mais a desigualdade”, diz Mizne.

A pesquisa ainda aponta que, em setembro, 92% dos estudantes receberam atividades para fazer em casa, contra 74% em maio. O índice aumentou em todas as regiões do país, especialmente no Norte, que passou de 52% em maio para 84% em setembro.

Apesar de o conteúdo estar chegando, ele não motiva os alunos. O cansaço dos estudantes apontado na pesquisa indica o desafio para o ano letivo de 2021, que deverá ocorrer de forma híbrida, com aulas remotas e presenciais, podendo incluir rodízio das turmas.

Diante desses números, sempre importante realçar a necessidade de tornar as aulas à distância mais atrativas aos seus alunos. Há cada semana temos postado, aqui no Conexão Xalingo, diversos exemplos de professores que tão inovando suas aulas para torná-las mais engajadoras nesse difícil período. Continue nos acompanhando para se inpirar!

– – – –

E para ficar por dentro das últimas novidades da Xalingo Brinquedos, inscreva-se em nosso canal no Youtube.

– – – –

Créditos da imagem: Freepik
Fonte: G1

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *