Conexão Xalingo – Blog

Professor apaixonado pelo cinema usa a ferramenta para deixar suas aulas mais interessantes e criativas

A gente já havia falado aqui no blog que o cinema pode ser um grande aliado na hora de ensinar determinados temas, principalmente relacionados à história. Pois o professor Ederval Trajano, de Recife, sabe bem como usar essa ferramenta na educação. Aos 43 anos, 20 deles dedicados ao ensino, ele sempre usou a Sétima Arte como uma aliada.

A paixão foi tanta que ele motivou seus alunos a produzirem pequenos filmes em homenagem a Vladimir Herzog, jornalista assassinado pelo Regime Militar e que completa 40 anos de morte em 2015. A mostra com os filmes dos alunos mostra que os estudantes aprenderam além da sala de aula e que a tarefa marcará a vida deles para sempre.

Na sala de aula ele já passou filmes como Olga e Getúlio. O primeiro trata da vida de Olga Nazário, ativista e mulher de Luiz Carlos Prestes que foi enviada à Alemanha Nazista pelo governo brasileiro onde acabou assassinada em um campo de concentração por ser judia. O segundo trata sobre o final do mandato e da vida do presidente Getúlio Vargas, também conhecido como “Pai dos Pobres” por uns e ditador por outros.

Os filmes criados pelos alunos foram feitos com smartphones, o que prova que a tecnologia é uma grande aliada na hora de ensinar os alunos.

Além de atuarem, os pupilos, hoje também cinéfilos, roteirizam, dirigem e editam as próprias produções. A pesquisa de figurino, cenários e trilha sonora contempla, segundo Trajano, o que ele chama de Trinômio do Sucesso da Educação: aprender, conhecer e fazer.

Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *